domingo, 30 de dezembro de 2007

A Vale será dona de um estado, no Brasil


Por Otto Mendes


Belém do Pará - Só se fala nisso aqui na cidade: a Vale vai ser a primeira empresa a ser dona de um estado, no Brasil. A história que corre é que o senador José Sarney, do PMDB do Amapá, está querendo criar o Estado de Karajás, que englobaria todo o sul do Pará. Segundo o que se escuta, o cientista- presidemente Lula seria o primeiro senador do novo estado, e o filho de um ex-governador, ex-senador e agora deputado federal seria o primeiro governador. Para se montar um estado é preciso gastar mais ou menos três bilhões de reais e quem entraria com a grana? Aqui em Belém se diz que será a Vale, que com isso será a dona do Estado de Karajás, e ai o que resta de meio ambiente nesta região será completamente destruído.
A antiga Vale do Rio Doce, agora só Vale, foi vendida a preço de banana para empresários e empresas com passados duvidosos, pelo então presidemente-elitista-fútil-preguiçoso FHC, que se tivesse tempo teria, junto com seu partido, vendido todo o Brasil. Há tempos que o povo brasileiro pede para que o processo de venda da Vale seja revertido e que ela volte a pertencer a sociedade brasileira. esta empresa vem tendo lucros fantásticos, mas, o Pará não ganha nada com isso, só vê suas riquezas indo parar nas mãos de poucos. A Vale mostra comerciais de que está investindo em reflorestamento e outras baboseiras, pensando que a população é formada por idiotas. A mudança de nome se deveu a grande campanha que está sendo feita no Brasil contra a privatização da empresa. Queremos saber o que a Vale, a presidência da república e o Senador tem a dizer disso.

sábado, 29 de dezembro de 2007

De volta, mas, com dificuldades!

Tá foda de resistir!
Por Otto Mendes

Belém do Pará - Sei leitores, este blog anda padecendo de regularidade, mas, fazer o quê? Ontem mesmo, acordei disposto a descer, e vir na lan house que tem bem em baixo do prédio onde estamos hospedados, pois, que acabo indo, com meu pai, a uma loja de informática, que na verdade vende tudo, chamada de SOL e lá dou de cara com um bar pai d´égua, onde acabamos por tomar umas. Depois disso, fomos saborear uma rabada com jambu, acompanhada de feijão, farinha, arroz e muita pimenta, tudo regado a mais cerveja. após tudo isso, só tirei uma pequena sesta de umas quatro horas de duração. Hoje de manhã tive um encontro com o médico e ambientalista Camilo Viana, defensor incansável da Amazônia, mas, esta entrevista só depois, pois, teremos um novo encontro para completar a nossa conversa.
Nesta semana que passou, podemos ver o cientista-presidemente Lula discursando na tv. Só falou coisas boas, mas, a minha pergunta é: de que país ele estava falando, pois, não pode ser o Brasil, cada vez mais fudido. Vai ver algum presidente deu um troco para nosso presidemente, para este falar de outro país. Presidente terceirizado! O eminente cientista-presidemente falou de boca cheia que o Brasil entrou na lista dos países desenvolvidos, segundo a ONU. os critérios para um país entrar nesta lista devem ser muito baixos, pois, qualquer estudo sério nunca incluiria um país lascado, com uma desigualdade social tão grande como o nosso nesta lista. Com certeza a ONU fez isso a mando dos EUA, só para nos afastar da América do Sul, onde os outros países enfrentam os EUA. A ONU é uma piada e não deve ser levada a sério, por mim, podia ser fechada, pois, não serve para nada que preste!
Ontem estava vendo um canal de tv de Portugal, a RTP Internacional, e também aquele país está passando maus bocados nas mãos dos neoliberais: o ministro da saúde de lá fechou vários postos de atendimento nos bairros, e por isso, os portugueses tem que se deslocar quilômetros para serem atendidos. Houve muitos protestos, mas, o ministro disse que os portugueses preferem andar quilômetros a serem atendidos no próprio bairro. Há, Há, Há, Há, Há, Há, Há, Há! (Parece o governo de FHC, que por sinal, quer que o próximo presidente seja um bom português, ou seja, ELE!) O que está acontecendo é a velha lógica neoliberal de "otimizar" tudo, principalmente porque quem se fode são a plebe, se fosse os ricos.......
Cabanos, façam um favor neste ano que se anuncia: não leiam merda, por isso, joguem fora o Estadão, A Folha de São Paulo, o Globo, a Veja, Época e outras merdas feitas para emburrecer o cidadão. Fora leitura inútil!!!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

E ai?

Revista de merda!


Por Otto Mendes

Belém do Pará - Bem, pessoal realmente o mês de dezembro não foi muito fértil, principalmente se comparado com novembro, onde publiquei muitas matérias, mas, vocês sabem como é: muita birita, muita diversão e a gente acaba esquecendo do mundo e do blog. Mas, não desanimem, pois, continuarei a publicar minhas matéria e charges, mesmo bebendo e entornando todo o alcool existente no mundo. Neste momento, estou em Belém do Pará, a Metrópole da Amazônia, minha terra de nascença e que deixei há doze anos atrá para morar em Pernambuco, e agora me considero um homem de dupla nacionalidade, pois, adotei Pernambuco como meu novo lar. Ontem mesmo já comi maniçoba, caruru, pescada amarela no tucupi, unha de carangueijo, vatapá e tacacá, tudo isso regado a muita Cerpinha, e mais uma vez comprovei: não tem comida igual a daqui! É bom demais, e podem acreditar, só ontem comi tudo aquilo, durante o dia todo, é lógico!
O mês de dezembro foi péssimo para os que lutam por um país mais justo:
- O presidemente e cientista Lula, continuando a luta de FHC e do PSDB em vender o Brasil para a iniciativa privada, vendeu o Rio Madeira para duas transnacionais (Odebrecht e FURNAS). Logo, no próximo governo do PSDB, que também dará continuidade ao governo do PT, será vendido o Rio Amazônas e sua floresta, logicamente para os EUA, pois, FHC sempre representou os interesses norte-americanos no Brasil, é pago para isso. Esta venda com certeza não vai ser paga pelas empresas que pagaram. veja só como se privatiza o Brasil, desde FHC (foi no seu governo que foi inventado este esquema):
1-o consórcio negocia quem vai ganhar
2- depois em vez de pagar com dinheiro do próprio consórcio, este pega dinheiro emprestado de alguma instituição pública, como o BNDS
3- o consórcio não paga o empréstimo e a conta sobra para nós
Com certeza a mesma coisa vai acontecer com a compra do Rio Madeira, que sua venda já podemos vislumbrar o seu fim, pois, as duas empresas que os compraram já são velhas destruidoras do meio ambiente e estão pouco se lixando para o rio e para as populações que vivem no seu entorno, que inclusive devem ser expulsas de suas terras.
- A nossa derrota no STF, que pressionado pelo governo, que nomeou seis novos juízes (por coincidência foram seis votos a favor do governo), cobrou a nomeação obrigando os tais juizas a votarem a favor da transposição do Rio São Francisco. Como vocês podem ver, existem várias formas de ditadura, pois, qualquer pessoa honesta e um pouquinho só inteligante nunca votaria a favor de um projeto destes. Qualquer criança vence um debate sobre a transposição de qualquer técnico do governo, pois, qualquer argumento que este tenha a favor desta obra terrível é derrubado com facilidade até por uma minhoca! Também podemos prever o fim do Rio São Francisco
Lula entrará para a história do Brasil como o maior inimigo do meio ambiente que este país já teve.
- Continua o festival de calunias contra o grande presidente Evo Morales, principalmente através da Veja, uma revista que com certeza apoiaria os nazistas, se já existisse na segunda guerra mundial. A Veja mente descaradamente sobre a situação da Bolivia e esconde todas as tramóias feitas pela elite boliviana para derrubar o governo de Evo Morales, mas, amanhã falarei com mais calme disto.
Não percam, logo teremos uma entrevista com Lúcio Flavio Pinto, o maior jornalista do Pará e quem sabe do Brasil e com o ambientalista Camilo Viana. Vocês não podem perder!

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Presidente Lula e Dom Cappio, na Roda Viva da História


Por: Paulo Maldos

Assessor político do Cimi


Dom Luiz Flávio Cappio iniciou, há 17 dias, uma greve de fome pelo rio São Francisco, contra a transposição desse imenso rio, em favor das comunidades que vivem no seu curso, ribeirinhos, pescadores, quilombolas, indígenas, em favor daqueles que sofrem com a sede no nordeste, em favor da natureza do semi-árido.

Dom Cappio exige um debate nacional sobre um projeto que só privilegia o hidronegócio, o agronegócio e as grandes empreiteiras e propõe como alternativa à transposição um projeto também do governo Lula, gestado na (ANA) Agência Nacional de Águas, um projeto que respeita e valoriza o meio ambiente e que levaria água a quem tem sede, não negócio.

O presidente Lula não realizou o debate prometido, cuja promessa encerrou a primeira greve de fome, e endureceu com Dom Cappio, afirmando que as obras com o Exército vão continuar, irreversíveis. Ou seja, para Lula, a morte de Dom Cappio é uma alternativa possível e aceitável.

No entanto, ao redor do gesto radical do bispo, está se formando uma corrente de solidariedade, de apoios, de alianças, de identificação ética, política, social, ideológica, cujos contornos são facilmente identificáveis: trata-se dos movimentos sociais, políticos, pelos direitos humanos, pastorais sociais, personalidades da Igreja Católica, da política, da cultura, que constituíram, desde os anos 80, Lula como liderança de massa em nosso país. Este universo social, político e cultural, de pessoas e movimentos sociais tiveram, ao longo de mais de duas décadas, uma relação com Lula que foi como a da vela com a sua chama: uma nutrindo-se da outra.

A luta e a perspectiva de vida ou de morte de Dom Cappio coloca esta antiga história numa encruzilhada: se Dom Cappio sobreviver, haverá continuidade, mesmo que mais conflitiva, devido ao lugar institucional há cinco anos ocupado por Lula; se Dom Cappio vier a falecer, será o final dessa história.

Não será Dom Cappio apenas que morrerá, mas morrerá a referência política de Lula e do Partido dos Trabalhadores na história dos movimentos sociais do Brasil.

Vivemos, tempos atrás, o final da ditadura, sua desconstituição simbólica a partir dos movimentos sociais e sindicais, onde despontou o próprio sindicalista Lula como protagonista central; vivemos o final da Nova República como alternativa civil, com a contestação popular; vivemos a derrocada do aventureiro Collor e seu grupo com os movimentos sociais na rua, vestidos de preto; vivemos o fim do ciclo neoliberal tucano de Fernando Henrique Cardoso, com o repúdio nas urnas. Todos terminaram percebendo “um desprezo singular nos olhos do homem simples”, como o protagonista central da peça Roda Viva, de Chico Buarque de Holanda.

O percurso histórico de Lula lembra o percurso do próprio rio São Francisco: muitas fontes limpas no nascedouro, depois um trajeto acidentado, muitos entulhos, assoreamento e alianças contraditórias pelo caminho; a sedução do grande capital no seu curso final; o definhamento, como rio e como história política, sem chegar ao oceano da memória afetiva do povo brasileiro. A história da liderança popular de Lula será a história de um fracasso.

A morte física de Dom Cappio sinalizará para a morte política de Lula.

Paulo Maldos
Assessor político do Cimi


quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

CHESF intimida seus funcionários para não participarem das manifestações contra a transposição.

D. Luíz Cáppio conversando com Toinho pescador,
grande poeta e pescador, que dedicou a vida para
defender o Rio São Francisco. Foto: Otto Mendes



Por Otto Mendes

Sobradinho, Bahia - Andando pela cidade e conversando com vários moradores daqui, uns funcionários da CHESF, outros parentes de funcionários, me revelaram que a direção da CHESF, que pertence ao PT, está ameaçando de punição os funcionários que participarem das manifestações contra a transposição. Na terça, 4 de dezembro, houve uma passeata em apoio ao Bispo da Barra, D. Luíz Cáppio, e os funcionários que participaram foram ameaçados de punição. Os moradores, que não quiseram se identificar, disseram que essa situação não é de agora, pois, desde que o governo Lula assumiu, a diretoria da CHESF tem agido de forma autoritária, todos revelaram que votam em Lula desde 1989. Um exemplo são os restaurantes que recebem o ticket alimentação da CHESF, onde está proibido conversar sobre política, pode parecer piada, mas, é a pura verdaxde. Conversei com dois donos de restaurante e eles confirmaram a denuncia. Enquanto a CHESF ameaça seus funcionários D. Cáppio segue firme no seu jejum pela vida do Rio São Francisco. Neste fim de semana estão sendo esperadas mais de 10.000 pessoas, pois, no domingo, dia 9 de dezembro, haverá uma grande romaria.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

República das Baratas


Triste Brasil

Por Otto Mendes

Nós, povos que habitam esse país, estamos mesmo ferrados. Não importa quem está no governo, todos só pensam em governar para si, e para marcar sua presença como governante, todos tem que erguer obras que sempre possuem as mesmas características:
- São imponentes e grandiosas;
- Custam muito dinheiro;
- Não servem para nada;
- Logo viram sucata, abandonadas.
Estava em Serra Talhada, sertão de Pernambuco, esperando o ônibus para Recife, assistindo, enquanto o transporte não chegava, um desses jornalecos da Globo, quando uma noticia me chamou a atenção: o cientista-presidemente Lula esteve no Rio de Janeiro, mais precisamente na favela do Cantagalo, para anunciar uma série de investimentos, que até me deixaram animados, mas, logo esta sensação foi substituída pelo desanimo habitual. Não deu para ouvir em que seria investido este dinheiro na Cantagalo, mas, consegui ouvir o que o governo faria em outra favela, a do Alemão: nesta, o governo vai investir meio bilhão de reais e, entre as obras, será construído um bondinho e uma passarela com a assinatura de Oscar Niemeyer ! Tudo muito legal, e o povo que mora nas favelas merecem, pois, são tão cidadãos quanto qualquer um de nós, mas, a questão não é essa. O Brasil é um país pobre, atolado em problemas sociais, por isso, não acho certo gastar milhões de reais com uma passarela de grife, como também acho um absurdo se pagar R$ 28 milhões de reais para construir uma praça, em Boa Viagem, em Recife, que também tem a assinatura de Niemeyer. Ainda bem que esta última foi paralisada pelo Ministério Público. Essas atitudes são uma verdadeira doença de nossos governantes, que buscam a própria projeção, em detrimento das verdadeiras necessidades dos povos brasileiros. O que nós precisamos é:
- Sermos todos considerados cidadãos, sem distinção de classe social;
- Acesso a saneamento básico a toda a população;
- Reforma agrária de verdade;
- Formação de um país pluriétnico;
- Acesso a educação gratuita de qualidade;
- Acesso a saúde gratuita e de qualidade;
- Combate a corrupção, que deveria ser considerado crime hediondo;
- Fim do latifúndio e da monocultura;
- Substituição da oferta de energia da hidrelétricas e termelétricas por fontes de energia que não agridem o meio ambiente, pelo menos em residências e pequenos negócios;
- Privilegiar as políticas de meio ambiente, a maior riqueza do Brasil.
Tenho percebido que o PAC é um verdadeiro festival de baboseiras e megalomania e, se não são obras inúteis, como as acima citadas, são obras que destroem o meio ambiente, excluem a maioria da população só servindo a poucos amigos de Lula, como a transposição do Rio São Francisco, a construção de hidrelétricas e barragens na Amazônia e o etanol.
De nossos governantes quiserem realizar obras assinadas por Niemeyer e outras futilidades, tudo bem, todos nós merecemos, já que somos a parte que trabalha e dá duro, mas, antes trabalhem e cuidem do que é importante e urgente.
Depois disso podem distribuir o caviar.

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Duas perguntas para D. Cáppio

Foto: João Zinclar

Por Otto Mendes

Sobradinho, Bahia – No dia 29 de novembro, o Bispo da Barra, D. Luiz Cáppio, respondeu a duas perguntas minhas:

Otto Mendes: Por que o senhor decidiu reiniciar o jejum?
D. Cáppio: Nós estamos aqui, em Sobradinho, nesta segunda fase do jejum, porque quando terminamos, lá em Cabrobó, nós assumimos um compromisso com o presidente, e o presidente conosco, e este compromisso não foi honrado, ele não cumpriu o que foi combinado e, durante dois anos, a gente tentou viabilizar os termos do acordo, mas, o governo se manteve surdo, totalmente surdo, né? Aquilo que havíamos combinado e, em vista disto, nós decidimos então.

Otto Mendes: Por quer o senhor acha que o governo insiste tanto em realizar esta obra?
D. Cáppio: É porque ai atrás disso existem grandes interesses, né? Que o objetivo não é o povo não. O objetivo são os grandes grupos econômicos, né. E estes são muito fortes e, aqui mesmo a gente vê tantas obras iniciadas, aqui na região, e que o Ministério da Integração não tem recursos para concluí-las, o que beneficiaria muita gente, e agora querem fazer esta obra, que gasta tanto dinheiro, não é em beneficio dos pobres, é em beneficio de pequenos grupos, que os pobres mesmo, se o governo estivesse interessado nos pobres teria concluído tantas obras de infra-estrutura, que começaram e não foram levadas a diante, então é isso.

D. Luíz Cáppio volta a fazer jejum pela vida do Rio São Francisco


Foto: João Zinclar


Otto Mendes e Roberto Saraiva

Sobradinho, Bahia - Diante da insistência do governo Lula em realizar as obras de transposição das águas do Rio São Francisco, o Bispo da Barra, Bahia, decidiu iniciar outro jejum pelo Rio São Francisco, em Sobradinho, a 560 km de Salvador, na capela de São Francisco e, desta vez não haverá qualquer tipo de negociação com o governo federal, pois, este tempo, segundo D. Cáppio, já se esgotou. Só a saída do exército dos canteiros de obra dos eixos leste e norte e o arquivamento deste projeto farão D. Cáppio parar com seu jejum. A Atitude de D. Cáppio é profética, pois, assim como Jesus doou sua vida por todos nós, D. Cáppio está doando a sua pelo Rio São Francisco e seu povo. Isso derruba o argumento do governo e da mídia, de que o Bispo está indo contra a doutrina da igreja da qual ele é membro, que condena o suicídio, mas, D. Cáppio não deseja morrer, e sim viver.
O governo federal finge que o problema não é com ele, e garante que as obras da transposição seguem “normalmente”. O que todos nós nos perguntamos, é por que o governo insiste em realizar esta obra, cuja principal característica é a sua inutilidade? Temos a certeza de dois fatores:
- O governo assumiu este compromisso com banqueiros, empreiteiros, latifundiários e políticos, todos de olho gordo nesta verba, inclusive para se reeleger e agora não tem como voltar atrás;
- Em 2008 e 2010 haverá eleições e parte desse dinheiro será utilizado para financiar a campanha dos candidatos do governo e seus aliados.
Várias entidades e instituições estão acampadas junto com D. Cáppio, para prestar solidariedade e protestar contra a transposição do Rio São Francisco. A toda hora, cidadãos de Sobradinho, Juazeiro, Petrolina, Cabrobó, Recife, Feira de Santana, Sergipe, Salvador e outras localidades, chegam para conhecer e prestar apoio a D. Cáppio. Toda as noites, as 19:00hs, a capela da São Francisco se enche de gente, muito em pé, mas, todos acompanhando atentamente as palavras de D. Cáppio. Ele pede para todos nós focarmos nossa atenção para os motivos que o levaram a tomar essa decisão, ou seja, a transposição, e não no ato em si, o jejum.
Enquanto isso, num ato de puro cinismo, o ministro da integração, Geddel Vieira Lima, esteve no dia 29 de novembro em Petrolina, Pernambuco, para mostrar a um grupo de pessoas as “maravilhas” da agricultura irrigada. O irônico é que o ministro vai mostrar ao que será a transposição, caso ela venha a ser realizada: só quem foram beneficiados nestes projetos realizados em Petrolina foram os latifundiários e os narcotraficantes, que expulsaram pescadores, indígenas e pequenos agricultores de suas terras; a agressão ao meio ambiente devido o uso intensivo de agrotóxicos, a produção voltada inteiramente para o mercado exterior, e cuja produção é transportada por avião para EUA e Europa, também contribuindo para o aquecimento global, pois, avião também polui. Enquanto toda essa estrutura foi montada para lavar comida para quem não precisa, milhares de famílias passam sede e fome a poucos metros do rio e dos canais de irrigação.
Em outro momento de cinismo do governo, o presidente Lula disse que a Igreja está dividida em relação à transposição. Concordamos com o presidente, pois, o assunto não é dogma de fé, e realmente a Igreja tem posição dúbia, devido a propaganda enganosa desse mesmo governo, porém devemos lembrar esse presidente que essa é a Igreja que o defendeu das torturas que a ditadura, provavelmente o submeteria, essa é a Igreja que no período das grandes greves do ABC Paulista, sofreu todo tipo de injuria e difamação em nome de um mundo livre e cheio de oportunidades para todos e todas, essa é a Igreja da Opção Preferencial pelos Pobres que a Conferencia de Aparecida ratificou como sendo a Igreja de Jesus.

República das Baratas


quarta-feira, 28 de novembro de 2007

A luta dos povos bolivianos


Por Otto Mendes

A imprensa brasileira, salvo algumas exceções,, nos mostra o quanto é mal-caráter, quando distorce e forja noticias a favor dos desejos dos EUA e dos neoliberais. Falo isso, porque a cobertura que esta imprensa está fazendo dos acontecimentos na Bolívia é uma vergonha, pois, as principais características desta cobertura é a manipulação e a mentira. O presidente Evo Morales conseguiu aprovar, de maneira democrática, reformas constitucionais modernas e revolucionárias, das quais as principais são:
1- Autonomia administrativa indígena, respeitando o protagonismo e a autonomia dos povos indígenas bolivianos, ato que deveria ser copiado pelo Brasil;
2- Reconhece que a Bolívia é um estado plurinacional, reconhecendo as 36 nações indígenas que lá vivem. Outra lei que deveria ser copiada pelo Brasil, pois, além de sermos um estado plurinacional, somos também um estado pluriétnico;
3- Reconhecimento da propriedade estatal sobre os recursos naturais, medida forte e correta.
Quem criou essa situação de caos no país são suas elites que não querem perder as regalias que sempre tiveram e que, de forma autoritária, mudaram a assembléia constituinte para Sucre, na tentativa de impedir que as mudanças fossem feitas. Essas escória é apoiada pelos EUA e pela mídia das Américas. Uma mudança aprovada foi a da reeleição indefinida para presidente. A mídia e políticos brasileiros latem dizendo que são atos autoritário do presidente boliviano, apesar de ter sido aprovada democraticamente. Agora, vejam quem são os que criticam essa decisão como “autoritária”: parlamentares (principalmente do DEM e do PSDB) e órgãos de nossa imprensa que foram aliados incondicionais da ditadura militar no Brasil. Só rindo mesmo!
Agora vejam quem são os oposicionistas bolivianos:
1- Seis governadores, todos filhos da tradicional elite local;
2- Os comitês cívicos, que reúnem as elites econômicas regionais, cujo o mais forte é o de Santa Cruz, comandado pelo banqueiro Branko Marinkovic, que usa seu dinheiro para financiar distúrbios.
3- O ex-presidente Jorge “Tuto” Quiroga, cuja presidência foi marcada pela corrupção e caos econômico e social.
Quando esses oposicionistas estavam no poder, a Bolívia era o 2º país mais corrupto da América do Sul (adivinhe quem é o primeiro), os indígenas não possuíam nenhum direito, os trabalhadores eram quase escravos e as multinacionais saqueavam o país (inclusive a Petrobrás). Depois de Evo Morales, as condições sociais e economicas da Bolívia vem melhorando a cada ano, como constatou o jornal norte-americano New York Times. A luta de Evo Morales é a luta de todos nós que lutamos por um outro mundo.
Viva Evo Morales, viva a luta do povo boliviano.

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

FHC falando merda

Por Otto Mendes

Na sexta-feira passada, durante a convenção do psdb (em minúscula mesmo), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso proferiu uma frase em seu discurso que deixa claro a maneira como ele pensa e quem ele é. A frase foi: “o Brasil precisa de um presidente que fale o bom português”, ou seja, o ex-presidente está dizendo que o Brasil precisa de um presidente com uma formação idêntica a sua, e só se encontra esse tipo de pessoa com essa característica nas elites, pois, como uma pessoa do povo vai ter tempo para conseguir chegar até um doutorado? Só mesmo um parasita da elite, cuja a única preocupação é saber em qual boate vai a noite, pode ter a disponibilidade de estudar sem outras preocupações. Essa é a ideologia do psdb, de que só os ricos estão preparados para governar. Tudo bem que Lula foi um fracasso, pois, copiou em tudo o governo de FHC, inclusive os escândalos. Desta frase, também podemos ver o desprezo que o ex-presidente tem pelos negros e pelos povos indígenas, pois, sua preferência é pelo “bom português”, aquele mesmo que invadiu o Brasil, matou, roubou, estuprou, que não gostava de trabalhar ( e chamava os que trabalhavam de preguiçosos), que trouxe para cá a corrupção (herança europeia) e representa tudo de ruim na nossa história. Mas, isso o ex-presidente deixou claro em 2000, nas comemorações de 500 anos de Brasil (sim, para Fernando Henrique Cardoso, nosso país foi “descoberto”, antes não tinha nada aqui), quando o governo gastou milhões de reais para homenagear os bandidos que nos saquearam durante séculos e mandou baixar o pau no povo brasileiro, que queria entrar em Porto Seguro para, democraticamente, protestar pedindo melhorias de vida e foram recebidos a bala pelo governo da Bahia e governo federal. Mas, o que dizer se nossas elites copiaram o comportamento da parte “civilizada” do povo brasileiro, o português, e por isso, é uma elite que não trabalha, não produz, é corrupta, rouba, mata, mente, tudo herança portuguesa e europeia, não é á toa que toda vez que viajava para a Europa todos sentiam FHC embasbacado com a "civilização, e por isso, nunca ia a um país pobre. Esta, por sinal, é a única critica que os integrantes do governo de FHC podem fazer a Lula, pois, este governo é igualzinho ao outro.
Fernando Henrique Cardoso só estava defendendo a sua laia

terça-feira, 20 de novembro de 2007

História do DEM - Parte 1


Orgulho Nacional



Por Otto Mendes


Não sei como o pessoal, tanto do governo como da oposição, que apóiam o crescimento a qualquer custo não está comemorando, pois, nós brasileiros, devemos ficar orgulhosos: somos o quinto país que mais polui no mundo. Nossa emissão de gás carbônico teve alta de 45%, entre 1994 e 2005, crescendo mais que o PIB. Nossa maior riqueza, produzida durante os governos de FHC e Lula, foi a poluição. Enquanto o PIB cresceu uma média de 2,6% ao ano, o crescimento da produção de gases-estufa foi de 3,4% ao ano.
Desmatamentos, veículos e termelétricas são os maiores responsáveis por esse resultado fantástico. Culpa desses cabeças ocas, presos a concepções ultrapassadas de crescimento. Pior que essa mentalidade predomina tanto entre governo e aliados e a oposição. PSDB e DEM gritam aos quatro ventos sua fúria contra o governo, mas, até a mídia aliada admite que o discurso e as atitudes dos oposicionistas dos dois partidos são sem consistência. Por que será? Ora, caros amigos, as elites tanto do governo quanto da oposição estão esbanjando riqueza! Os lucros dos bancos são um escândalo nacional! O agro negócio vai passando por cima de tudo. Como eles podem reclamar de verdade? O plano de crescimento, onde só poucos se beneficiam, a qualquer custo foi mantido pelo governo Lula. O Cansei foi só pra dizer que rico rouba melhor, quinhentos anos de prática, todos estão muito felizes. Analistas dos dois lados dizem que essa marca é NORMAL, pois, o país está crescendo, por isso, a emissão de gases-estufa irá crescer nos próximos anos. O Brasil vive o passado, não vislumbra o futuro.

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

república das baratas 1


Até que enfim!


Por Otto Mendes
No dia da República, pouca coisa a comemorar, mas, também não vamos só falar mal. O Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília, finalmente tomou uma decisão firme e acertada em relação ao assassinato no trânsito. Em 2004, também na capital federal, um rapaz de 21 anos, estudante, família rica, provável membro do “Cansei”, envolvido num pega, a mais de 160 km/h, num belo veículo importado, bateu num Santana, matando o motorista deste, outro rapaz de 29 anos. O Ministério Público argumentou que quem dirige dessa forma, num pega e a mais de 160 km/h, tem plena consciência de que pode matar, o que é a pura verdade. Felizmente, para nós brasileiros, o STJ acatou o pedido do Ministério público, por isso, o assassino irá a júri popular, e pode pegar de 12 a 30 anos de cadeia. Até que enfim!
Quantas vidas poderiam ter sido salvas, se esta decisão tivesse sido tomada antes? Agora os tribunais de instancias inferiores poderão adotar decisão semelhante. Esperamos que a partir de agora esses assassinos terão a punição que merecem!
Parabéns ao Ministério público e a STJ.

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Lula e seus amiguinhos


Por Otto Mendes


Desde que assumiu a presidência da república, o cientista-presidemente Lula esqueceu de seus antigos aliados e eleitores, aqueles que votaram nele desde 1999 e foram cruelmente traídos pelo candidato. Quero destacar que os aliados que falo não são os que foram beneficiados com a eleição do presidemente, e sim aqueles que realmente acreditaram no candidato do PT. Pois é, esses que sempre o apoiaram foram esquecidos, e o presidemente revelou quem são os verdadeiros amiguinhos seus e dos seu partido o PT. Gente como Sarney, ex-presidente, cuja a gestão foi recheada de denuncias de corrupção. Dizem que foi o presidente em cuja gestão mais se roubou no Brasil (FHC e Lula não chegam nem perto). Sem contar que o senador e sua quadri..,(ops) família dominam o estado do Maranhão com mão de ferro, inclusive decidindo quem vive e quem morre. Segundo os boatos, os dois estão fundando um novo estado, junto com Jader Barbalho e a Vale do Rio Doce. Como o PT pode se aliar a esse tipo de gente, que até alguns anos atrás era supostamente um adversário? Outros grandes amigos do PT e do Presidemente Lula são os plantadores de soja, os usineiros de cana (heróis para o presidente), os latifundiários em geral, sem contar Bush, banqueiros, empresários e tudo o que representa a fome e o atraso de nosso país.
Para essa corja aliada o presidemente Lula e o PT fazem qualquer negócio para agradar: vão tentar fazer a transposição das águas do rio São Francisco para agradar seus amiguinhos empreiteiros e do agro negócio, que querem plantar cana, soja e eucalipto no sertão. Tentou acabar com o grupo que combatia o trabalho escravo no Brasil, também para apoiar seus amiguinhos latifundíários que se sentiam constrangidos com as visitas do grupo em suas propriedades, infelizmente, para o presidemente Lula e seus amigos, houve muita pressão internacional e o grupo teve que ser recriado. Realmente, os amigos de Lula são uns heróis, para aguentar essa gentalha fiscalizando seus negócios. temos que lembrar que são de famílias honradas. E agora, para agradar seus aliados, Lula está apoiando a lei anti-terror, que vai prender qualquer um que falar mal do governo ou de qualquer político. Não se poderá mais denunciar a corrupção e outros crimes cometidos por políticos, pois, se você fizer isso será preso. Se os indígenas fizerem uma ação de retomada de suas terras, serão presos como terroristas, pois a quadrilha ruralista no congresso incluiu ocupação de terra como crime de terrorismo, e com o apoio incondicional do cientista-presidemente Lula e do PT, que agora são contra a reforma agrária, pois, devem favores aos seus novos amigos latifundiários.
Depois que a lei anti-terror for aprovada, corro o perigo de ser assassinado ou mesmo preso pelo governo do cientista-presidemente Lula e seus aliados (nesse caso atá a oposição apoia essa lei, que os mantêm longe das criticas e investigações), porque, de acordo com a nova lei sou um terrorista. Só aviso que usarei armas químicas para me defender: muito peido na cara desses canalhas!

Boatos?


Por Otto Mendes
está rolando por ai, que até 2010 vai ser criado o estado de Carajás, pegando todo o sul do Pará. A criação deste estado é uma grande maracutaia de autoria do senador José sarney, o idealizador, com o apoio de Lula, que seria candidato a senador pelo novo estado e de Jader Barbalho, deputado federal pelo Pará, e que anda bem quieto devido as milhares de denuncias de desvio de dinheiro público. Quem vai bancar a fundação do estado de carajás será a Vale do Rio Doce, que vai pagar R$ 3 bilhões de reais para tornar o novo estado operante. Lógico que a empresa não vai pedir nada em troca, ela é quem vai mandar no novo estado. Quero saber o que os citados nesta matéria tem a dizer, mas, onde tem fumaça tem fogo. Paraenses não deixem que roubem o nosso estado.

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Comida para poucos.


Por Otto Mendes
Pois é, amigos. Estava vendo o Jornal do maio-dia, na tv, e teve uma reportagem sobre melancias. Melancias quadradas, para caber numa caixa e melancias alteradas geneticamente para ficarem pequenas, mais doces e serem consumidas individualmente. Todos os dias, nós somos bombardeados com os milagres do agro negócio: é a soja, são as frutas e o vinho do Vale do são Francisco, uvas sem caroço e mais doces. Não tem quem não ache maravilhoso tudo aquilo que nós é mostrado por anúncios e jornais. Pena que tudo isso seja para o deleite de poucos, pelo menos aqui no Brasil. Toda essa tecnologia, aprimoramentos e novidades são para o mercado exterior, não para o bico dos brasileiros. Milhares passando fome, e se produz para exportar. Quem ganha com isso? Certamente não é a grande maioria do povo brasileiro que fica a margem desse processo, longe de qualquer benefício que ele possa trazer. Mais uma vez repito: o latifúndio é uma formula esgotada, que não serve para o povo brasileiro. Apresar de que, governo e elites não planejam para o bem estar geral dos cidadãos brasileiros, pois, políticos, empresários, juízes, promotores públicos, procuradores, altos funcionários públicos e outros membros das elites não consideram que o resto da população brasileira como cidadãos. Vivemos em uma democracia grega, onde 99% do povo não é levado em conta.
Vamos voltar ao tema da matéria, senão não paro de falar da escória. O agro negócio é a nova cara do latifúndio, destroí o meio ambiente, expulsa os pequenos da terra, grila terras públicas tudo para alimentar os estrangeiros, e que a única serventia do dinheiro desse comércio é a riquezas de poucos e a o pagamento da divida externa. O cientista-presidemente Lula, antes inimigo do agro negócio, agora é amigo intimo e entusiasta desse ramo predador de nossa economia. A falta de terras para produzir alimentos para o mercado interno faz com que aconteça a escassez e encarecendo os alimentos, excluindo uma parcela maior de nossa população.
Vejamos o exemplo do Vale do São Francisco, com sua agricultura irrigada: uvas, vinho, maçãs, mangas, tudo produzido com excesso de agrotóxicos, deteriorando a terra e e prejudicando o meio ambiente, além do que, essas frutas são transportadas de avião, ajudando na destruição da camada de ozónio, favorecendo a aquecimento global. Mais: a agricultura irrigada do vale do São Francisco como também a transposição, favorecem a produção de maconha na região. è a produção da narcofruta para o mundo.
Logo teremos que importar feijão e farinha, para que Lula e seus amiguinhos do agro negócio possam produzir etanol e biodiesel para o Japão ou melancia quadrada para a Inglaterra.

sexta-feira, 9 de novembro de 2007

CPI da ONGs


Mal começou a CPI das Ongs e já começaram as denuncias de acordos escusos: governo e oposição são acusados de tentar blindar seus aliados políticos. Segundo fontes do Congresso, um senador da oposição pediu para que não se investigue a ONG Alfabetização Solidária (AlfaSol), fundada pela esposa do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, Ruth Cardoso. Já o governo, através do ministro da Controladoria Geral da República, lançou uma nota para minimizar a participação do governo Lula em eventuais ilegalidades a serem investigadas pela CPI. Além do que, em troca de não investigar a AlfaSol, a CPI também não investigaria a Rede 13, que foi dirigida por Lurian Cordeiro da Silva, filha do presidente Lula. A Rede 13 fechou as portas em 2003. Tanto governo como a oposição negam o acordo de blindagem de aliados políticos.
Os problemas da AlfaSol são muitos: a instituição integra a lista das 20 ONGs que, entre 1999 e 2006, ficaram com 30% dos recursos públicos destinados ao terceiro setor, num total de R$ 3,97 bilhões de reais, enquanto mais de 9.200 ONGs receberam, no mesmo período, R$ 9,15 bilhões de reais. Por que essas 20 entidades receberam tanto dinheiro, mesmo se não houver ocorrido qualquer irregularidade? É uma aberração. A AlfaSol recebeu, no períodpo acima citado, R$ 336 milhões de reais ( R$ 282,5 milhões durante o governo FHC e R$53 milhões durante o governo Lula), foi a terceira entidade do terceiro setor que mais recebeu recusros públicos, atrás apenas da Fundação Butantã (R$ 561 milhões) e do centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (R$502 milhões). Outras acusações pesam sobre a AlfaSol como, por exemplo, dos onze endereços usados pela entidade, nove são falsos e o número de alunos era menor do que o informado, além do que, em Belo Horizonte, existe a acusação de que a instituição incluia nas suas prestações de contas turmas fantasmas. També acusam a instituição de não pagar aos professores o estipulado pela união e sim um valor menor.
É preciso que se reveja essa política de repassar recursos públicos a entidades do terceiro setor, idéia que se fortificou no governo FHC, que queria terceirizar serviços essenciais, como atendimento na área da saúde, e os resultados tem sido desastrosos. Quem deve financiar o terceiro setor é o segundo setor, ou seja, o setor privado, pois o papel das ONGs deve ser o preencher lugares onde o governo não chega e não tomar o lugar do governo, que tem como obrigação zelar por seus cidadãos. Além do mais, o dinheiro público inibe a independência da instituição, que fica refém do dinheiro público.
O deputado estadual, Paulo Cprrêa, do Paraná, quer que o governo investigue o repasse de recursos que a Igreja Católica destina ao Conselho Indigenista Missionário (CIMI), ao qual o deputado acusa de incitar a invasão de terras pelos povos indígenas. O deputado faz parte da bancada ruralista.
1° O CIMI não trabalha com recursos públicos;
2° O CIMI não incita a RETOMADA de terras pelos indígenas, ele apoia essas retomadas, que são iniciativas dos indígenas;
3° Os indígenas não invadem terras; eles a retomam, pois, elas sempre lhes pertenceram. É como o nobre deputado acusar alguém de invado]ir sua própria casa;
4° Por último: A bancada ruralista, de qualquer estado, é que grila, rouba, e invade terras públicas, de pequenos agricultores e de povos indígenas. São eles que financiam grande parte do tráfico de armas e a violência no campo. Verdadeiras quadrilhas.
Quem deveria ser investigada pela CPI era a BANCADA RURALISTA.

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

O sujissímo falando do mal lavado



Por Otto Mendes

O ex-senador (graças) Jorge Bornhausen, que sempre representou a escória brasileira e o que de pior o nosso país tem, escreveu um artigo na Folha de São Paulo, onde prevê que depois da aprovação da CPMF, o cientista-presidemente Lula financiará centenas de ONGs que defenderão um terceiro mandato para Lula. Se isso acontecer, será um golpe de estado dado pelo cientista-presedemente Lula e sua corja. Mas, o que o ex-senador canalha não lembra é que ELE e seus aliados passaram quatro anos para mudar a constituição (inclusive pagando mensalão aos parlamentares) e conseguir reeleger o ex-intelectual-elitista-fútil Fernando Henrique Cardoso, que por sinal foi o PIOR presidente que o Brasil já teve, pois, o que dizer de um governante que passou os quatro primeiros anos de seu reinado fazendo o possível e o impossível para conseguir se reeleger. Foi a grande obra de seus oito anos de governo.

Pessoas como o ex-senador Jorge Bornhausen não devem ser levadas a sério.

Tá tudo errado!

Por Otto Mendes

Para começar tem o Parque Dona Lindu (nome da mãe do Lula, mas, imploro, ela não tem culpa!), que o prefeito João Paulo, para babar o ovo do cientista-presidemente Lula, quer fazer o povo de Recife engolir goela abaixo. Pensem numa obra inútil, pronto é essa! Deixa eu contar esta história para os que não sabem dela: o prefeito de Recife, João Paulo, quer porque quer construir em Boa Viagem, essa aberração chamada Parque Dona Lindu, cujo objetivo maior deve ser beneficiar alguma empreitera e alguns políticos, além da puxação de saco deslavada, pois, tenho certeza que o pertubado-zen-prefeito (é louco não come carne, parece que só se alimenta da luz do sol), nunca nem viu a pobre que teve o grande azar de botar uma coisinha como o cientista-presidemente Lula no mundo. Bem, no inicio, o pertubado-zen-prefeito orçou a obra em R$18 milhões, mas, agora esta mesma obra deverá chegar a R$29 milhões de reais, por que será, hein? O tal parque-aberração vai ser projetado pelo matusalem Oscar Niemeyer, o mesmo que projetou aquela outra aberração: Brasília. Tudo isso, faz parte daquela megalomania que os políticos brasileiros tem de aparecer, de dizer "fui eu que construi" e, com isso, gastar dinheiro á toa em obras inuteis. O Ministério Público de Pernambuco paralisou as obras do parque-aberração, porque a prefeitura não entregou os estudos de impacto ambiental e impacto no trânsito, mas, isso não deverá ser problema para a prefeitura do Recife que pode forjar os dois estudos em questão de minutos. O problema é que no tal parque-aberração menos de 32% da área de 30 mil metros quadrados será de verde, o resto é um teatro que vai dar fim a R$8 milhões de reais, e uma outra área onde serão realizados shows ao ar livre,um verdadeiro absurdo! O que aquela área de Recife precisava era de uma praça de verdade, pois são pouquissímas as praças na zona sul da capital. Imaginem se o pertubado-zen-prefeito João Paulo fosse uma pessoa séria e responsável e, pelo bem do povo do Recife, construisse ali, naquela área de 30 mil metros quadrados UMA PRAÇA DE VERDADE, cheia de árvores, bencos, brinquedos, pistas pra caminhar e tudo mais, tudo isso não custaria 10 % dos R$29 milhões que o pertubado-zen-prefeito João Paulo que desperdiçar nesse seu parque-aberração, e seria uma obra útil. O problema é que uma praça não deve render muita grana. É uma loucura ver o que esse irresponsável está fazendo, só para beneficiar poucos e babar o ovo do outro irresponsável. Quanta coisa util poderiamos fazer com essa grana jogada fora, inclusive a praça. Até deixaria o pertubado-zen-prefeito João Paulo botar o nome da mão do cientista-presidemente Lula. A obra, pela sua inutilidade, é a cara das realizações do PT. Ô partidinho de merda, sô!

Só para comprovar que o pertubado-zen-prefeito João Paulo adora queimar dinheiro público: ele mais uma comitiva, passaram 18 dias na Asia e a viagem foi paga por nós, custou R$ 247 mil reais!



Já tenho até alguns slogans melhores, para a gestão do pertubado-zen-prefeito:

PREFEITURA DO RECIFE
A GRANDE OBRA É AJUDAR AS PESSOAS PRÓXIMAS DO PREFEITO



PREFEITURA DO RECIFE
A GRANDE OBRA É OBRAR NA CABEÇA DA POPULAÇÃO



PREFEITURA DO RECIFE
A GRANDE OBRA É QUEIMAR O DINHEIRO DE VOCÊS

quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Casa da Mãe Joana




Por Otto Mendes
Para vocês, uma foto da casa da Mãe Joana, o reino da putaria e do crime. Todo ladrão, traficante, ladrão de terra, desonesto e corrupto tem lugar aqui!

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Acidentes aéreos

Por Otto Mendes

Eu sei que o atual governo prima pela incompetência, mas, mídia e oposição estão exagerando ao querer responsabilizar o governo do cientista-presidemente Lula por TODOS os acidentes aéreos que ocorreram, nos últimos tempos. Iniciativa que também quer tirar a responsabilidade do mau atendimento e dos acidentes das companhias aéreas brasileiras, as piores do mundo, com certeza. Me lembro quando um avião da TAM caiu numa favela, em São Paulo, e ninguém pensou em culpar o então presidemente intelectual-elitista-fútil FCH.

Viva os roteiristas norte-americanos!

Por Otto Mendes

EUA urgente!
Os roteiristas de cinema e televisão, dos EUA, entraram de greve! Com isso, filmes, talk shows e seriados poderão ser prejudicados, principalmente a partir de 2008. Quem ganha com isso? Todo o resto do mundo, que ficará livre, por algum tempo, do lixo que os EUA exportam para todo o mundo. Por isso, quero expressar meu apoio ao movimento dos roteiristas. Que dure muiiiiiiiiiito tempo. O mundo agradece!
p.s: preparem-se para as reprises.

Saúde e educação que se danem!


Por Otto Mendes
Todos os dias, jornais e telejornais noticiam o caos em que se encontram a saúde e o ensino públicos no Brasil. Cidadãos morrem diariamente nos corredores dos hospitais e escolas brasileiras. Os governos fingem não ver o problema e só reagem quando estão na oposição. Desde o golpe de 1º de abril de 1964, que as elites brasileiras (essas mesmas que formaram o “cansei”), apoiada pelos militares e a “classe merdia”, vêm sucateando tanto a educação quanto a saúde pública, para beneficiar os saqueadores do setor privado, nos tornando reféns dos hospitais particulares, dos planos de saúde e das escolas privadas, que nos roubam diariamente.
Na constituição de 1988, está assegurado a todos os cidadãos brasileiros o direito a escola e saúde pública de qualidade, mas, são leis nunca respeitadas de 1988 para cá. Ao contrário, Sarney, Collor, Itamar, FHC e Lula só pioraram a situação da saúde e da educação pública para beneficiar os abutres da iniciativa privada. Por tudo isso, fiquei chocado ao ver, na tv, a noticia de que a oposição, no Congresso Nacional (ou casa da mãe Joana), só votaria a favor da CPMF caso o governo federal aumentasse o orçamento da saúde. Os parlamentares do DEM e do PSDB, querem nos fazer acreditar que estão fazendo um favor aos que não podem pagar para ter saúde, como se o ato deles não passasse de obrigação dos políticos para com quem paga os altíssimos salários e todas as mordomias que eles recebem.
Em primeiro lugar, pode ser que o problema não seja o tamanho da verba destinada para a saúde, e sim, de como esse orçamento é utilizado, pois, a corrupção abocanha grande parte deste dinheiro. Então, para mim, o problema não está em aumentar o orçamento destinado a saúde, e sim utilizar o que já tem NA SAÚDE. Em segundo lugar, como já afirmei acima, investir em saúde e educação é obrigação e não favor. Por fim, saúde e educação não podem ser usados como moeda de troca em votações na casa da mãe Joana, o que demonstra a total falta de responsabilidade, preocupação e sensibilidade com os problemas do povo brasileiro.
Também precisamos nos lembrar que esses que agora latem contra a CPMF, foram os que apoiaram a sua criação, no governo do, na época, presidemente intelectual-elitista-fútil Fernando Henrique Cardoso, e que, como estão na oposição, mentem descaradamente se dizendo contra o imposto. Também é bom lembrar que os que agora estão a favor da CPMF, quando eram oposição latiam contra este imposto. Outra grande mentira.
A Casa da Mãe Joana é uma latrina mesmo.

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

E TOME CRIATIVIDADE!

Na foto acima dois gênios




Por Otto Mendes


A Presidência da Republica abriu licitação para publicidade, onde as agências de publicidade vão disputar uma verba de R$ 150 milhões de reais em propaganda. O cientista-presidemente Lula propôs um tema para escolher o vencedor: a transposição do Rio São Francisco. O nosso querido cientista-presidemente Lula acertou no tema: Quem conseguir transformar o inútil em útil merecerá vencer a disputa. É o mesmo que vender ar-condicionado na Antartida, tem que rebolar para engabelar o público. Será que as renomadas agências de publicidade irão incluir em seus anuncios a fantástica descoberta de nosso renomado cientista-presidemente de que a transposição vai combater o aquecimento da terra? Esperar para ver.

Para as agências concorrentes fica a lição: publicitário tem que saber vender qualquer merda!!!

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Últimas


Por Otto Mendes

Primeiro: que ridiculo ver um presidente da república, ministros de estado e toda uma caravana da alegria, paga com o nosso dinheiro, ir fazer lobby para uma copa do mundo! A FIFA deve ter se sentido muito importante. Pois bem, os sanguessugas estavam todos lá babando sobre o saque. Acho que o presidente e seus convidados tinham mais o que fazer, inclusive com o nosso dinheiro!
O ministro do STF declarou que a atitude do Cunha Lima Pai foi de desrespeito com a justiça brasileira! HÁ! HÁ!HÁ! HÁ!HÁ! HÁ!HÁ! HÁ!HÁ! HÁ!HÁ! HÁ! O ministro é um brincalhão, pois, não me lembro, nem uma vezinha, quando foi que o povo brasileiro respeitou o judiciário. O sr. juiz deveria lembrar que, se o criminoso escapou da justiça, foi devido a toda uma legislação criada para beneficiar o ministro, o Pai criminoso, empresários, políticos e outros membros das elites de seram punidos. Temos ai promotores de justiça assassinos a solta e recebendo salário! Temos centenas de deputados, senadores, governadores ricos, impunes e felizes. Por isso, sr ministro, o senhor e todos os acima citados respeitam tanto a lei: ela foi feita para servir somente aos senhores. O ex-governador agiu dentro da lei que vocês todos criaram e perpetuam, não reclame, vá para Paris beber champanhe.
Ontem, 31 de outubro de 2007, a Rede Globo apresentou no Jornal Nacional uma matéria sobre a falta de gás no sudeste. Uma longa matéria, muito raro no telejornalismo brasileiro, sobre o aumento do consumo de gás pela indústria e pelos motoristas do sudeste. Senti que por trás daquilo tudo, estava a velha propaganda de que o Brasil está crescendo, consumindo mais, portanto será preciso investir mais em energia. Nisso, mídia, governo e oposição concordam plenamente: investir na geração de energia. Mesmo porque, a Globo, o PSDB, o DEM e outros sabem que um dia voltarão ao poder e, no fundo, aqui no Brasil essa coisa de governo e oposição geralmente é uma farsa, "arreparem" no Congresso Nacional. Inimigo hoje, aliado amanhã, e não tem nada a ver com ideologia, e por safadeza mesmo! Mas, voltando ao assunto anterior, mídia e políticos, principalmente nosso presidemente da república, não param de mostrar que o Brasil para crescer precisa de mais oferta de energia, até eu concordo com isso, mas, para eles será preciso fazer isso agredindo mais uma vez o meio ambiente. Crescimento com destruição ambiental, um discurso medieval, mas, que tem um propósito: dinheiro. Sim, meus leitores, dinheiro, se não me expliquem o motivo de tamanha burrice, pois, realmente não consigo perceber. Acompanhem todos os projetos do governo: transposição das águas do rio São Francisco ; etanol e biodiesel; construção de hidro elétricas e barragens, investimentos no agronegócio e no latifundio, plantações de eucalipto no sul e nordeste. Agora responda: qual desses projetos respeitará o meio ambiente? Nenhum! A transposição é uma obra inutil, feita para beneficiar o agronegócio e empreiteras, pois, o sertão nordestina tem água para todo mundo, o problema é que essa água não é distribuida; Etanol e biodiesel encarecem os preços dos alimentos, destroem o meio ambiente devido ao uso de agrotóxico e queimadas, empobrecendo o solo e limitando a produção de alimentos; o Brasil não precisa de mais barragens e hidro elétricas, precisa é modernizar o que já existe, ação mais barata e que não vai prejudicar ainda mais o meio ambiente, na CHESF tem um grupo de pessoas que defendem a muito tempo essa alternativa; quanto ao agronegócio, bem, são quinhentos anos repetindo a mesma formula: latifundio expulsando indígenas e camponeses de suas terras, depois transformados em mão-de-obra barata e escrava ou então inchando as favelas das cidades, tudo isso para produzir matéria-prima para exportação, beneficiando um punhado de pessoas em prejuízo aos demais cidadãos brasileiros e ao meio ambiente, acho que cinco séculos de experiêcia já deveriam ter mudado a visão das pessoas, mas, imaginem que os dois últimos presidentes foram FHC e Lula, ou seja, não possuem inteligencia suficiente para entender isso, e não é só eles; plantações de eucalipto, ainda tem uma empresa multinacional, que mostra, na tv, um anuncio onde esta empresa afirma que planta mais eucalipto em áreas degradadas, como se isso fosse uma grande bem ao meio ambiente, e não a criação de um deserto verde, onde a pluralidade é destruída em prol da monocultura, mais um teste de quinhentos anos.....
Pois bem, tudo isso é resultado de ideologias pobres e interesseiras, pois, temos partidos e políticos antagonicos, mas, que defendem o crescimento a todo custo, para o beneficio de alguns, claro, fruto de um capitalismo selavagem, de um lado; e de um socialismo de modelo soviético ou chines, sem nenhum respeito ao meio ambiente. Um quer escravos e consumidores, quer um sociedade homogenea; o outro quer escravos e robôs, uma sociedade homogenea. Todos os dois lados são inimigos da diversidade, um monstro para eles. Ora, o que eles deveriam pensar, era em novas formas alternativas de captação de energia, como a energia solar e a eólica, fontes abundantes no Brasil e não venham me dizer que essas duas fontes de energia ainda não estão maduras o suficiente para suprir a demanda de energia. Residências, pequenas empresas e cooperativas poderiam, tranquikamente serem abastecidas por estas duas fontes de energia, o que baratearia o custo da energia e diminuiria, e muito, a ocupação das outras fontes de energia, como hidro elétricas e o consuno de gás.
E tenho dito!

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

A Copa do Mundo É Nossa!!


Por Otto Mendes


Eita sô!

Agora é que a corrupção vai correr solta! Imaginem só, os cartolas e políticos brasileiros botando a mão nessa bolada que vai sair para podermos realizar a copa aqui no Brasil! A Globo já tava dizendo que todos os problemas do Brasil vão ser resolvidos mais rápido, para que quando chegue 2014 possamos receber os torcedores em nosso país! Qual será o plano do governo federal, da Globo e de todas as outras empresas (que vão se encher de grana, enquanto o povo se enche de merda) para resolver nossos problemas tão rápidos? Bem, imaginem só uma mistura de governo do PT, com cartolas da CBF (mais corrupta que o congresso), políticos e empresários juntos para resolver nossos problemas1 estamos fudidos, acho que a única alternativa que essa quadrilha vai ter será matar todos os pobres, deixando alguns, claro, para jogar futebol.

Era só alhar para a cara do presidente da CBF, para ver a alegria que ele e seus comparsas vão ter em botar a mão nessa dinheirama. O discurso do presidente Lula, como sempre, foi uma merda, inclusive discriminando os argentinos e já afirmando que o Brasil ganhará a Copa! estão todos de acordo? Se for assim, nem precisamos realizar o evento, só a festa do título! Mas, não vai dar para fazer isso, pois as raposas estão babando por dinheiro.

O pior: a Copa vai ser mais um pretexto para nosso presidente cientista ficar mais uma vez na presidência.

Não queremos copa do mundo aqui, pois, só vai estimular a corrupção!

FORA COPA DO MUNDO!

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Lula é demais!!!


Vejam só leitores: estava eu numa reunião, em Juazeiro - BA, onde discutiamos a questão da transposição das águas do rio São Francisco, projeto safado e inútil, quando um participante mostrou uma carta, que a presidência da república tinha enviado a uma comunidade de pescadores da Bahia. A referida carta era uma resposta do presidente ao protesto daquela comunidade, que havia mandado para o nosso presidente um abaixo-assinado contra a inútil obra. A resposta de nosso inteligentissímo presidente foi uma obra-prima. No inicio, Lula comenta que não vai voltar atrás de sua decisão (autoritarismo), pois, o tal projeto de transposição vai melhorar a vida (dos latifundiários, do agro negócio, do narcotráfico, da narcofruta, soja e cana, menos dos que tem sede) de milhares de pessoas (gosta de inventar nosso presidente), e depois foi dizendo as várias vantagens que sua obra safada vai proporcionar. Até ai nada demais, mas, o melhor, que demonstra a capacidade mental de nosso presidente e revela toda a sua inteligência, foi uma das vantagens apontadas pelo presidente intelectual: ele, Lula, afirmou que a transposição do Rio São Francisco vai ajudar a combater o aquecimento global! É isso mesmo, amigos! HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!
Essa foi a maior idiotice que já ouvi na minha vida! Ou o presidente Lula tem a inteligência de uma lula, ou ele é uma pessoa que para conseguir o que quer não mede esforços. Veja como ele justificou essa imbecilidade: disse que com a transposição, o volume das águas do Velho Chico iriam AUMENTAR (HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!HÁ!), ajudando a combater o aquecimento global! É um humorista esse presidente cientista, mas, o que ele esquece é, que sem a transposição tirar água do São Francisco, este já tem seu espaço invadido pela água do mar, que entra 50 km rio adentro. Perto da foz, ainda no trecho entre Alagoas e Sergipe, já se encontra tubarão, dentro do rio. Como é então, caro presidente, que tirando mais água do rio, a sua vazão aumentará?
Só um sábio, como o nosso presidente, pode responder uma pergunta dessas, caros leitores. Eu mesmo, um pobre mortal comum, nunca conseguiria responder a tal questão.

quinta-feira, 13 de setembro de 2007

E os ratos buscam se defender!




Recife, 13 de setembro de 2007

Carta aos senadores e deputados federais

Por Otto Mendes



Senhores senadores e deputados de programa,


Antes da votação de ontem, vocês já estavam até o pescoço enterrados na lama. Depois desta votação, vocês conseguiram ficar coberto de merda. esta casa que vocês, senadores e deputados de programa representam, não merece nenhum respeito do povo brasileiro, é um chiqueiro em que vocês chafurdam na lama. Lembro das gargalhadas que dei, quando um jornalista, indignado com as palavras do presidente Hugo Chaves sobre vocês (muito coerentes, por sinal), de que as palavras deste presidente eram um desrespeito a um símbolo da democracia. HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! No máximo, o Congresso Nacional é o símbolo do crime organizado, pois, é ai que estão os chefes do narcotráfico, da corrupção, do tráfico de armas, é o lugar onde estão os ratos que roubam e grilam a terra, dos que exploram o trabalho escravo em suas fazendas.


Outro absurdo, mas, também hilário, foi as palavras de um senador de programa, acho que da quadrilha do PMDB, ao Jornal da Globo, que as"coisas agora voltariam ao normal". Bem, nós brasileiros, só podemos imaginar, que normal para vocês, só pode ser um ambiente em que a corrupção, o tráfico e outros crimes reinam tranquilamente, longe do povo e da imprensa.


Mas, a declaração mais descarada, foi a do próprio senador de programa "julgado" por vocês, que disse que aquela armação que vocês armaram, para fingir que estavam julgando um CANALHA que nem vocês, "foi uma vitória da democracia" , HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! HÁ! Quase morro de rir! Como vocês tem coragem de dizer que aquela palhaçada foi um ato de democracia, já que os ratos precisaram fazer tudo as escondidas, nas trevas, para que ninguém soubesse o que eles aprontariam? Lógicamente, alguns senadores votaram a favor da cassação, para dizer que houve realmente um debate, um "julgamento". Como, vocês podem dizer que aquela porqueira foi um ato democrático, se o réu, para se defender, chantageou os outros senadores? Vocês são uma escória que não tem um pingo de vergonha na cara!


Façam como o facínora ACM, MORRAM! Estarão fazendo um grande favor a nação! O único, por sinal.


MORRAM!

segunda-feira, 3 de setembro de 2007

Últimas


Por Otto Mendes



Lá se vai algumas semanas sem escrever neste blog, estava meio doente mas, já voltei. Mesmo em casa, continuo acompanhando os acontecimento nacionais e cada vez mais fico indignado! Vamos começar com os dois comparsas de Lula fazendo gestos obscenos quando viram pela Tv que talvez a culpa do acidente da Tam não fosse do governo, o que mostra que esse pessoal só se preocupa com eles mesmos, não tão nem ai para as vitimas, tanto que o presidente Lula ficou calado e quando falou, disse merda mais uma vez, ao afirmar que não sabia que o problema com os transportes aereos fossem tão graves! Não consegui acreditar no que tinha ouvido! se esse bosta de presidente não sabe o que acontece no Brasil, o que ele está fazendo, então? Agora essa história de crise area, cpi do apagão aéreo é uma baboseira só! O grande problema, é que a imprensa e a oposição estão dando muita importancia para esse assunto, e nós nos perguntamos por que? Ora, caros leitores, é porque avião é transporte de rico e de uma parte da classe "merdia", porque se fosse um problema sememlhante com o trnsporte de onibus, não tinha saido uma nota de rodapé na imprensa, ou nenhum parlamentar iria se preocupar com isso, mas, como estamos falando do meio de transporte da escória brasileira, ai é aquele escândalo! Nem cinco por cento da população viaja de avião, então esse é um problema que não nos interessa.


Outra noticia que está dando muito na tv é a história do Renan, que como todos sabemos não vai dar em nada! depois o Congresso Nacional fica indignado com o programa de tv Casseta & Planeta, que mostrou um quadro onde apareciam os "deputados de programa". Pois, por causa disso, os parlamentares querem processar o programa, mas, a única coisa que vi de errado nesse quadro foi comparar deputados e senadores a uma prostituta, e nisso está meu protesto: As(os) prostitutas são pessoas honestas, honradas e trabalham duro para se sustentar, enquanto os políticos..... As prostituas é que deveriam processar o programa, pois, nenhum ser vivo, na face da terra, merece ser comparado a um deputado ou senador, é muita humilhação! Dizem que duas deputadas chararam ao ver o referido quadro, só pode ser em apoio as pobres prostitutas injustiçadas no tal quadro.


Agora, a palhaçada do ano é o movimento "CANSEI". HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!!

Cansaram de quê, aqueles senhores? Qual o objetivo deste "movimento"? Ora, caros amigos, eles querem que a culpa de tudo o que acontece no Brasil é de um governo de "esquerda", culpa do operário analfabeto que colocou o Brasil na lama, querem que o povo brasileiro não veja todos os erros que eles, do "cansei", fizeram nestes quinhentos e sete anos de Brasil. Tudo o que está errado no Brasil é culpa dos que apoiam o "cansei", a falta de qualidade no atendimento nos hospitais, a falta de remédios e médicos é culpa do "cansei", que queria privilegiar a saúde privada; o péssimo ensino público é culpa do "cansei", que não tá nem ai com a educação dos pobres e querem ganhar dinehiro com educação privada, roubando os pais dos alunos, que eé o que toda escola particular faz; a culpa da corrupção é do "cansei", que sempre fez o necessário para conseguir mais riquezas, e geralmente roubando. Todos os problemas que o Brasil tem é do "cansei", são essas pessoas e suas famílias que vem roubando o povo há muito tempo. O que me deixa indignado é o apoio da OAB a esse "movimento" de merda, pois essa instituição sempre se disse a serviço da sociedade, mas, agora posso ver que a OAB serve a ALTA SOCIEDADE, pois pobre não dá dinheiro a advogado. O apoio da OAB, ou qualquer entidade a essa baboseira MOSTRA O QUE SÃO ESSAS ENTIDADES, E QUE NÃO MERECEM QUALQUER RESPEITO OU CRÉDITO! Não acho errado protestar contra o governo ou pedir "Fora Lula!", eu mesmo quero que esse merdinha saia, mas, esses bandidos do "cansei", não tem o direito de reclamar de nada, são eles que roubaram o país nos últimos cinco séculos, e estão cada vez mais ricos, com o saque das riquezas do Brasil. O Lula se vendeu para essa elite podre, mas, o que ele não esperava é que mesmo passando para o lado deles, eles nunca aceitariam alguém que não saisse do mesmo esgoto deles. O incrivel é que os safados do "cansei" ainda se identificam por nome e sobrenome, eles não tem nem vergonha na cara de dizer de qual quadrilha pertencem! FORA "CANSEI"!!!

ESTAMOS CANSADOS DE SERMOS ASSASSINADOS, ROUBADOS E PISADOS POR VOCÊS!!

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

VOLTEI

QUERIDOS LEITORES, ANDEI DOENTE, MAS, JÁ ESTOU DE VOLTA! LOGO MAIS MATÉRIAS SOBRE O NOSSO PAÍS!
ABRAÇOS A TODOS E DESCULPEM PELA DEMORA EM REAPARECER!!!!
VIVA CHIAPAS! VIVA O SUBCOMANDANTE MARCOS! VIVA OS POVOS INDÍGENAS!
FODA-SE OS LATIFUNDIÁRIOS, FODA-SE OS SENADORES, FODA-SE OS DEPUTADOS ESTADUAIS E FEDERAIS, FODA-SE OS JUÍZES, FODA-SE OS POLICIAIS FEDERAIS, MILITARES E CIVIS, FODA-SE OS BANQUEIROS E EMPRESÁRIOS(E PARA AS VAGABUNDAS QUE CASARAM COM ELES), FODA-SE O "CANSEI", FODA-SE O PRESIDENTE LULA, FODAM-SE O PT, O PFL, OPSDB, O PMDB, E OUTRAS QUADRILHAS COM NOME DE PARTIDO POLÍTICO!
VIVA O BRASIL!!!

quinta-feira, 12 de julho de 2007

TUMBALÁLÁ RETOMAM TERRAS TRADICIONAIS


Por Otto Mendes


Na madrugada de terça-feira, 10 de julho, o povo Tumbalalá, da Bahia retomou a fazenda Palestina, que é território tradicional deste povo, onde os velhos iam praticar seus trabalhos. A retomada também foi uma forma de protestar contra a transposição do rio São Francisco, pois , este povo também vive sobre as margens do Velho Chico. O temor que todos nós temos é que o exército, instalada ilegalmente em área indígena, esteja, a mando do governo, jogando fazendeiros contra os indígenas, para criar um clima de violência, para justificar uma ação armada na região e assim sufocar indígenas e todos que lutam contra a transposição. Esta é a primeira das muitas retomadas que irão recuperar as terras tradicionais dos Tumbalalá.

sexta-feira, 6 de julho de 2007

Truká continuam com o processo de retomada de suas terras


Por Otto Mendes


Na madrugada de ontem, 05 de julho, os indígenas Truká retomaram a fazenda de António de Lilinha, há 6 km de Cabrobó, mostrando que estão dispostos a conseguirem que as suas terras sejam finalmente indenizadas. O posseiro disse que não vai pedir reitegração de posse, pois, reconhece que a área pertence ao povo indígena. A policia militar de Pernambuco esteve na fazenda ainda pela manhã e tentou barrar a passagem dos que queriam entrar no local, chegaram ainda a ameaçar os indígenas dizendo que se o proprietário quisesse, eles desocupariam o local de "um jeito ou de outro". Logo depois, veio a ordem do comandante do batalhão de Cabrobó para que eles se retirassem. A FUNAI já designou um grupo de trabalho para iniciar o processo de demarcação das terras dos Truká, que se for concluído a tempo impedirá as obras de transposição no eixo norte, que fica dentro das terras tradicionais dos Truká. O governo federal está tão desesperado em fazer o obra que está transformando indígenas em quilombolas, sem estes saberem de nada, para evitar que os indígenas retomem suas terras. Os Truká também afirmaram que, mesmo com os processos de retomada, eles continuarão protestando e lutando contra a transposição.

terça-feira, 3 de julho de 2007

O Governador de Pernambuco, Eduardo Campos Apoia a Grilagem de terras Indígenas Promovda pelo Presidente Lula


Por Otto Mendes


Cabrobó - O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, traiu os povos indígenas de Pernambuco, os quais ele se declarava "aliado", permitindo que a policia do estado cumpra o injusto pedido de reintegração de posse, de uma terra que pertence ao povo Truká. Ontem, numa reunião com o secretário Valdemar Borges, este lavou as mãos e disse que não podia fazer nada. Na segunda, 02 de julho, 13 governadores estiveram em Recife, a mando de Lula, para chantagear o governador de Pernambuco, que se esse não agisse contra os indígenas o estado iria perder investimentos. Como todo covarde, Eduardo Campos cedeu, e se recusa a conversar com lideranças do povo Truká e com as entidades de apoio. A ação tem também o apoio do deputado estadual, Isaltino Nascimento, que também se dizia "aliado" dos povos indígenas do estado e foi eleito com o voto maciço deles. A ordem dos governos federal e estadual é limpar a área de qualquer maneira, mesmo que seja usando a violência. O engraçado é que alguns meses atrás, o governador de Pernambuco, em discurso para policiais, disse que não iria compactuar com a violência policial, pura demagogia, pois a ordem e descer o cacete nos indígenas e aliados. Ontem, o chefe do posto da FUNAI, em Cabrobó, foi até o acampamento dos indígenas, ameaçá-los em nome da policia, dizendo que quem se encotrasse lá, na hora do despejo, seria espancado e preso. A policia de Cabrobó sempre agiu de forma violenta contra os Truká e dessa vez não será diferente. Muitos indígenas já foram assassinados por esta policia.
Vamos ver como o movimento indígena vai se posicionar em relação ao governo do estado, depois deste apoiar este ato de roubo de terras indígenas, este colunista não espera outra reação senão o rompimento radical com o governo estadual, com o deputado federal Fernando Ferro (ferrenho defensor da transposição, mas que sempre teve muitos votos dos indigenas de Pernambuco) e do deputado estadual Isaltino Nascimento, ambos do PT. Os dois últimos, depois de virarem governo, viraram as costas para os povos indígenas do estado.
A reintegração de posse deve ocorrer amanhã, quarta 04 de julho, uma data que ficará na história, marcada pela violência patrocinada pelos governos fedaeral e estadual.
FORA EDUARDO CAMPOS!!
FORA LULA!!

segunda-feira, 2 de julho de 2007

Indígenas e Movimentos Sociais Reagem a Invasão das Terras dos Truká em Pernambuco


Por Otto Mendes
Na madrugada de 26 de junho, indígenas, sem-terras, pescadores e outros movimentos sociais ocuparam a terra, em Cabrobó, onde o governo Lula pretendia realizar a captação de água do eixo-norte do projeto da transposição das águas do Rio São Francisco, que levaria água para o Ceará. A inutulidade desta obra nem adianta comentar, basta os leitores lerem os vários textos publicados nesse blog. O problema maior agora, é que para fazer essa merda de obra, o canalha do Lula autorizou a invasão da área indígena Truká, ou seja, O GOVERNO LULA QUERIA ROUBAR UMA PARTE DO TERRITÓRIO DOS TRUKÁ!
Com a ocupação do canteiro de obra, essa palhaçada patrocinada por Lula, Ciro Gomes e Geddel acabou, pois os Truká tomaram conta da área que lhes pertence, frustando a tentativa de grilagem de terra pelo governo federal. A justiça federal em Pernambuco concedeu reintegração de posse da área indígena Truká e a policia de Cabrobó está ameaçando todos os que lá estão de prisão. O governo Lula vem tentando comprar as lideranças indígenas com obras nas áreas tradicionais, mas, os indígenas sabem que políticas públicas são obrigação dos governos e não moeda de troca.
Por enquanto é só, mas, acompanhem mais noticias em: http://antropozoide.blogspot.com/

O GRILEIRO

LULA, GRILEIRO DE TERRAS INDÍGENAS! CADEIA NELE!!

quinta-feira, 21 de junho de 2007

PROCURA- SE

PROCURADO VIVO OU MORTO PELO ASSASSINATO DO RIO SÃO FRANCISCO, JUNTO COM O SEU COMPARSA, O PRESIDENTE LULA!!!!